terça-feira, 26 de Maio de 2009

Cálculo da Taxa de Inflação

NOTA:
Para os mais curiosos fica o link para a explicação desta matéria pelos peritos do INE.     Backup


Definição:
Se Pt é o nível médio de preços corrente e Pt-1 é o nível médio de preços há um ano atrás, a taxa de inflação durante o ano pode ser medida da seguinte forma:

O nível médio de preços é indicado pelo Índice de Preços no Consumidor (IPC). Para este não interessam todos os bens do PIB (por exemplo, não interessam as chapas de ferro, ou o sulfato manganês). Para calcular o IPC define-se um conjunto de bens que se consideram representativos das compras típicas do consumidor médio. As variações desse cabaz de bens serão devidas às variações de preços dos vários bens ao longo do tempo e desta forma se avalia a inflação.
A taxa de inflação pode ser medida de várias formas. Como o IPC é calculado todos os meses, a variação desse índice é a taxa mensal de crescimento. Mas nós habituámo-nos a raciocinar em taxas anuais de inflação. Assim, o crescimento que o índice teve ao longo do ano (por exemplo, de Janeiro de 2007 a Janeiro de 2008, ou de Abril de 2008 a Abril de 2009) chama-se taxa homóloga. Mas esta é muito variável e, além disso, esconde realidades muito diferentes. Por exemplo, uma taxa de 8% pode ser o resultado de uma subida ao longo do ano, ou de uma manutenção do índice com uma subida brusca no fim, ou de uma subida seguida de descida parcial. Por isso, calcula-se uma outra taxa: a taxa média. Esta taxa é a variação percentual da média do índice nos últimos 12 meses em relação à média dos 12 meses anteriores.

1. Explicita os seguintes conceitos associados à taxa de inflação:
a) IPC;
b) Taxa de variação mensal;
c) Taxa de variação homóloga;
d) Taxa de variação média.

2. Indica - consultando o site do INE - os valores da taxa de variação mensal, em Março de 2014, no Continente, para as seguintes rubricas:
a) Total excepto habitação
b) Total excepto produtos alimentares não transformados e produtos energéticos
c) Total excepto produtos alimentares não transformados
d) Total excepto produtos energéticos
e) Produtos alimentares não transformados
f) Produtos energéticos

3. Indica em que grupo do ponto anterior:
a) Os preços subiram mais;
b) Os preços subiram menos;
c) Os preços desceram mais,
d) Os preços desceram menos.

4. O Índice de Preços pode calcular-se com base constante, isto é, sempre com o mesmo ano base (1992=100 significa que 1992 é o ano base), ou com base móvel. O IPC em cadeia calcula-se tomando como base de cálculo em cada ano t, o ano anterior, t-1.
4.1. Completa a tabela abaixo.



4.2. Indica em que ano:
a) Os preços estavam mais baixos;
b) Os preços estavam mais altos;
c) Os preços subiram mais;
d) Os preços subiram menos.
4.3. Explicita o conceito de taxa de inflação implícito neste exercício.
4.4. Interpreta para 1994 e 2003:
a) O Valor do Cabaz;
b) O Índice de Preços no Consumidor com 1992=100;
c) O Índice de Preços no Consumidor em cadeia;
d) A Taxa de Inflação.

Actualização

5. Completa este post fazendo os exercícios propostos no novo ficheiro de ajuda com Taxa de Inflação de 2000 a 2013.

Sem comentários: